Oics realiza webinário “Tecnologias de Apoio ao Planejamento Urbano Integrado”

O evento, em 25 de novembro, do Observatório de Inovação para Cidades Sustentáveis (OICS), uma das Plataformas para Cidades Sustentáveis do projeto CITinova, teve como objetivo promover o uso das tipologias, indicadores e dados geobiofísicos que buscam facilitar a análise do contexto das cidades e propor soluções para fortalecer o desenvolvimento sustentável.

Desenvolvido pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), um dos parceiros coexecutores desse projeto multilateral, o OICS incentiva a elaboração de políticas públicas que promovam a sustentabilidade das cidades, a partir da aplicação das soluções disponíveis na plataforma e acesso à informação qualificada.

Na abertura do evento, a diretora do CGEE, Regina Silvério, apontou que as ferramentas do Observatório buscam contribuir com gestores públicos na questão do planejamento urbano para o desenvolvimento local e regional. “São várias instituições públicas e privadas que vêm trabalhando para a sustentabilidade nos municípios e a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos, uma questão cada vez mais global”, afirmou.

Monique Pinheiro, assessora técnica do CGEE, apresentou as tipologias disponíveis no OICS. Essa ferramenta é baseada em estudos dos tipos de territórios que compõem o Brasil, com base em uma vasta coleção de indicadores, dados geográficos e índices, que qualificam as cidades a partir de suas características sociodemográficas e ambientais, relacionando-as aos temas da sustentabilidade para que o usuário encontre a solução mais adequada para sua localidade.

As tecnologias dão suporte aos gestores públicos no planejamento das cidades, difundindo soluções sustentáveis para problemas urbanos. Essa esquematização é fundamentada em seis temas: água, resíduos sólidos, mobilidade, energia, ambiente construído e soluções baseadas na natureza.

Apresentando os painéis do Oics, o assessor técnico Yuri Cesar destacou que a ferramenta auxilia, ainda, no planejamento urbano integrado e está disponível para qualquer usuário. São dados e indicadores específicos para os municípios brasileiros.

Para oferecer uma melhor experiência de navegação nesse rol diversificado de informações, o Observatório desenvolveu uma ferramenta SIG Web, em software livre, que potencializa a consulta e exploração dos conteúdos das tipologias e soluções de forma integrada.

A produção dos conteúdos que compõem as ferramentas do OICS contou com o apoio de instituições produtoras de dados e informações, entre elas o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Instituto Municipal de Urbanismo Pereira Passos (IPP-RJ), o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT-SP), e também especialistas em gestão territorial.

As tecnologias utilizadas no Observatório para o desenvolvimento das ferramentas de suporte ao planejamento urbano são baseadas em softwares livres e dados abertos.

Para conferir a apresentação das ferramentas, confira o webinário, já disponível no canal do CGEE no YouTube.

Informações: equipe comunicação CGEE


Leia também